21-12

O Conselho Nacional de Educação opôs-se às alterações que o Governo pretende introduzir na organização curricular do ensino básico, que considera deverem-se a «restrições orçamentais».
O CNE defende que a educação deve ser prioritária, estando por isso ao abrigo de restrições orçamentais. (Diário Digital)


tags:

publicado por Correio da Educação às 19:25
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

CONTACTOS

ce@asa.leya.com
pesquisa
 
Correio Disciplinar
Ciências Sociais e Humanas
Línguas e Literaturas
Ciências Exatas e Experimentais
Expressões
Escola em destaque
Escola Secundária Alcaides de Faria
Agenda


arquivo
Ligações
Parceiros
subscrever feeds