09-12

O PCP e o Bloco de Esquerda levam hoje a plenário da Assembleia da República quatro projetos de lei para estabilizar a profissão docente e tornar obrigatória a publicação das listas de colocação decorrentes das bolsas de recrutamento.
O PCP quer abrir um concurso de ingresso na profissão que permita a mobilidade de professores, pretendendo também definir temporalmente o que são as chamadas necessidades transitórias nas escolas, ao abrigo das quais, ano após ano, milhares de professores preenchem lugares que correspondem a necessidades permanentes do sistema. O Bloco de Esquerda sugere a entrada faseada destes profissionais nos quadros. (Público)


tags:

publicado por Correio da Educação às 10:31
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

CONTACTOS

ce@asa.leya.com
pesquisa
 
Correio Disciplinar
Ciências Sociais e Humanas
Línguas e Literaturas
Ciências Exatas e Experimentais
Expressões
Escola em destaque
Escola Secundária Alcaides de Faria
Agenda


arquivo
Ligações
Parceiros
subscrever feeds