16-05

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) denunciou, no Parlamento, que estão a ser contratados docentes no ensino superior, auxiliares ou adjuntos, com remunerações inferiores às respetivas categorias.
A delegação da Fenprof é ouvida na Assembleia da República no âmbito de uma audiência que solicitou à comissão de Educação, Ciência e Cultura. À comissão foi transmitida “a recusa generalizada” por parte das instituições de ensino superior público de colocar no 1.º escalão remuneratório os professores auxiliares e adjuntos que acederam a estas categorias após aprovação nas provas de doutoramento ou do título de especialista. (Público)



tags:

publicado por Correio da Educação às 10:07
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

CONTACTOS

ce@asa.leya.com
pesquisa
 
Correio Disciplinar
Ciências Sociais e Humanas
Línguas e Literaturas
Ciências Exatas e Experimentais
Expressões
Escola em destaque
Escola Secundária Alcaides de Faria
Agenda


arquivo
Ligações
Parceiros
subscrever feeds