17-03

Filho de médico, João Diogo terá tido uma infância infeliz, em grande parte devido à morte do pai quanto tinha onze anos. Formou-se em ciências físico-naturais na Escola Politécnica do Porto, tendo iniciado as funções docentes no liceu e no colégio de Lamego. Transferiu-se para o Porto, tendo leccionado nos colégios de Santa Maria, Nossa Senhora da Glória e S. João da Foz do Douro. Em 1902, publica um opúsculo sobre A nova reforma do ensino secundário em França, no qual revela um bom conhecimento dos debates pedagógicos na Europa. (Leitura integral)

 

«DIOGO do Carmo, João», in António Nóvoa (dir.), Dicionário de Educadores Portugueses, Porto, Edições Asa, 2003: 496-498, com adaptações.

 

 

 



publicado por Correio da Educação às 15:11
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

3 comentários:
De miu miu outlet a 5 de Agosto de 2016 às 08:48
miu miu handbags outlet


De essay writing services a 27 de Março de 2017 às 08:28
I "inherited" hundreds of former students with Developmental Disabilities, that had been utterly failed by their local and state school systems. Many of them had effectively been relegated to absolute minimal "education", and had been forced out of school woefully unprepared for anything but an institution, or living with their parents for life.


De Smart Essay Writers a 14 de Setembro de 2017 às 13:30
It confines friendships to a small institution of arbitrary college students of comparable age in a slim geographical location. It makes it tougher with a view to form friendships with college students who go to exceptional colleges.


Comentar post

CONTACTOS

ce@asa.leya.com
pesquisa
 
Correio Disciplinar
Ciências Sociais e Humanas
Línguas e Literaturas
Ciências Exatas e Experimentais
Expressões
Escola em destaque
Escola Secundária Alcaides de Faria
Agenda


arquivo
Ligações
Parceiros
subscrever feeds