28-05

Investigadores denunciam hoje na 'Science' actividades madeireiras ilegais na ilha do Índico.


Em Outubro do ano passado, Meredith Barrett, investigadora em ecologia da Duke University, nos Estados Unidos, estava em Madagáscar a estudar o impacto do de-senvolvimento humano na saúde das populações do lémure. Foi então que o acaso a fez tropeçar noutro problema: o do abate ilegal de árvores de pau-rosa e jacarandás.

Perante a evidência, a investigadora documentou a situação, e depois decidiu estudar, com a colaboração do botânico francês Jean--Noel Labat, a distribuição daque- las árvores em todo o território. Foi assim que os investigadores concluíram que a muito curto prazo as árvores de pau-rosa poderão enfrentar a extinção, a menos que haja medidas contra a actividade ilegal dos madeireiros. Os resultados do estudo e o alerta são publicados hoje na Science. (DN)


tags:

publicado por Correio da Educação às 11:34
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

CONTACTOS

ce@asa.leya.com
pesquisa
 
Correio Disciplinar
Ciências Sociais e Humanas
Línguas e Literaturas
Ciências Exatas e Experimentais
Expressões
Escola em destaque
Escola Secundária Alcaides de Faria
Agenda


arquivo
Ligações
Parceiros
subscrever feeds