30-03

A Federação Nacional dos Professores estima que, com a revisão curricular recentemente apresentada, se extingam 12 000 horários de professores, dos quais 6500 no 2.º Ciclo, 5000 no 3.º Ciclo e 500 no Ensino Secundário.
A FENPROF diz que a decisão do Governo "desrespeita, no essencial, contributos que são conhecidos", sendo acompanhada por "outras medidas negativas ou ainda mal explicadas". (JN)


tags:

publicado por Correio da Educação às 10:18
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

CONTACTOS

ce@asa.leya.com
pesquisa
 
Correio Disciplinar
Ciências Sociais e Humanas
Línguas e Literaturas
Ciências Exatas e Experimentais
Expressões
Escola em destaque
Escola Secundária Alcaides de Faria
Agenda


arquivo
Ligações
Parceiros
subscrever feeds