Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correio da Educação

Correio da Educação

O comissário do Plano Nacional de Leitura, Fernando Pinto do Amaral, informou que a inclusão de um livro de poesia para adultos, de Alice Vieira, na lista de obras aconselhadas a crianças do segundo ano do ensino básico “resultou de um erro informático”, que diz lamentar “muito” e que “já foi corrigido”.
A polémica foi lançada pela escritora, que na sua página do Facebook escreveu que gostaria de saber “quem são os energúmenos que escolhem os livros para o Plano Nacional de Leitura”. Mais tarde, Alice Vieira voltou a comentar o facto de a obra «O Que Dói às Aves» ser aconselhada a “meninos de sete anos”, manifestando o seu espanto por “no PNL terem escolhido um livro sem o abrir”. (Público)

66 comentários

Comentar post

Pág. 1/7